Últimas notícias.

Instituições financeiras autorizadas pelo Banco Central iniciam hoje, segunda-feira (17), a oferta de renegociação de dívidas para a Faixa 2 do Programa Emergencial de Renegociação de Dívidas de Pessoas Físicas Inadimplentes, conhecido como Desenrola Brasil. Cerca de 30 milhões de brasileiros podem se beneficiar nesta etapa, que abrange a população com renda de dois salários mínimos – de R$ 2.640 até R$ 20 mil por mês. As dívidas podem ser quitadas nos canais indicados pelos agentes financeiros e parceladas em, no mínimo, 12 prestações. É necessário ter sido incluído no cadastro de inadimplentes até 31 de dezembro de 2022. Além disso, nesta fase do programa, serão perdoadas dívidas bancárias de até R$ 100, com a retirada do nome dos devedores dos cadastros de restrições. Essa medida beneficiará aproximadamente 1,5 milhão de pessoas, permitindo que voltem a ter acesso ao crédito. Por outro lado, para a Faixa 1 do Desenrola Brasil, a habilitação dos agentes financeiros já está disponível. Os interessados devem fazer a solicitação na plataforma do Fundo Garantidor de Operações (FGO) Desenrola Brasil e cumprir os critérios estabelecidos no Manual de Procedimentos Operacionais do FGO. A faixa 1 é destinada às pessoas com dívidas de até R$ 5 mil, renda de até dois salários mínimos ou inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). A participação nessa etapa está prevista para iniciar em setembro.

Tags relacionados:

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.