Últimas notícias.

Uma jovem de 18 anos, que sofre de transtornos mentais, foi agredida por seis homens na madrugada do último domingo (16) no município de Planaltino, no sudoeste da Bahia. O caso ganhou grande repercussão após informações circularem sobre um possível estupro coletivo, porém, durante seu depoimento à Polícia Civil, a própria vítima esclareceu a situação. A jovem relatou que, além das agressões recentes, já havia sido vítima de um estupro coletivo anteriormente cometido por seis pessoas. Familiares afirmaram que essa não é a primeira vez que a jovem, chamada Kelly, sofre agressões. De acordo com informações obtidas pelo Blog Conquista, a delegada Viviane Rosa informou que os trabalhos de identificação dos suspeitos já estão em andamento. Foram instaurados dois procedimentos: um para investigar as agressões recentes e outro referente ao caso de estupro anterior. O caso de violência contra a jovem tem gerado comoção e um pedido de justiça, que está sendo divulgado nas redes sociais com a hashtag #justiçaporKelly, compartilhada por familiares e amigos. A Polícia Civil está ciente da repercussão do caso e empenhada em garantir que os responsáveis pelo crime sejam identificados e punidos.

Tags relacionados:

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.