Últimas notícias.

Um caso de extrema violência e crueldade abalou a cidade de Planaltino, no sudoeste da Bahia. Uma jovem de 23 anos foi vítima de um estupro coletivo cometido por cinco homens na zona rural do município. A polícia de Planaltino já está investigando o caso, e algumas informações importantes sobre o ocorrido foram atualizadas. De acordo com as autoridades, esse não foi um caso isolado. A vítima teria sido submetida ao abuso sexual em outra ocasião, há cerca de um mês, pelas mesmas pessoas. Com isso, a polícia trabalha com nove suspeitos envolvidos nessas duas situações de abuso sexual. O exame de corpo de delito foi realizado na vítima, e o resultado deve ser divulgado amanhã, sexta-feira (21), contribuindo para as investigações. Os nomes dos suspeitos não foram divulgados para não prejudicar o andamento das investigações, mas todos serão ouvidos pela polícia na próxima terça-feira (25). Segundo a polícia civil, um dos suspeitos é filho de um vereador do município de Planaltino. Essa descoberta torna o caso ainda mais delicado e complexo. A vítima, que possui problemas psicológicos, está recebendo todo o apoio necessário, tanto dos profissionais da área de psicologia do município quanto da sua família. O crime ocorreu no último sábado (16), no povoado do Campinho, e a jovem foi amarrada pelos homens, levada para uma área de mata próxima à sua casa e violentada. A comunidade de Planaltino, assim como todo o estado da Bahia, está em choque diante da gravidade desse caso, e os sentimentos de solidariedade e força são enviados à vítima e sua família nesse momento tão difícil.

Tags relacionados:

Utilizamos cookies e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.